Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

o Antissocial

eu até gosto de pessoas, só não gosto daquelas que se ofendem por qualquer coisa. @antissocialblog

o Antissocial

eu até gosto de pessoas, só não gosto daquelas que se ofendem por qualquer coisa. @antissocialblog

Dessincronia

Novembro 20, 2018

al3x

 

 

Dessincronia é a ausência de sincronia.

Somos vitimas da nossa bolha, alienados perante tudo o que nos rodeia. Acordamos, vamos trabalhar, regressamos a casa e voltamos a dormir, numa rotina que faz o tempo passar. Mas o tempo passa e não nos apercebemos, somos levados pelas conectividades e achamos que estamos conectados com tudo e todos. Mas na verdade, estamos afastados.

Partilhamos casas, espaços comuns e muitas vezes transportes. Mas na verdade não partilhamos emoções, empatia e tudo o resto que nos humaniza. Sempre foi assim, não é de agora. Somos um conjunto de animais que resolveu viver em grupo para fugir dos perigos, ainda no tempo das cavernas. Mas o que as cavernas uniram, agora esta conectividade desune.

Não sou contra o avanço tecnológico ele é essencial.

Mas vivemos dessincronizados, sempre com aquele sentimento que a vida é mais do que isto. Muitas vezes só nos apercebemos quando vivemos tudo e contemplamos o caminho percorrido e o caminho que poderíamos ter percorrido. Vivemos cada vez mais fechados, com menos contacto com a natureza com o próximo e só nos deixamos acordar por breves momentos, com noticias de estradas que deslizam ou famílias completas que desaparecem em situações anormais.

Só aí, por breves momentos olhamos nos olhos daqueles que nos rodeiam e nos apercebemos que muitas vezes negligenciamos um abraço, uma palavra amiga, uma boa ação. E nesse momento todos se sentem bem, porque sabem que estão sincronizados.

Mas tal como o dia e a noite, voltamos à rotina, à dessincronia, à formatação do que esperam de nós. E esquecem-se de viver, olhar nos olhos e sorrir. Até que é tarde e quando olhamos de frente vemos alguém a dar-nos uma má noticia, ou vemos a morte ao nosso lado e pensamos no que deixamos por dizer no pequeno almoço.

A vida são mais do que dois dias, pode ser uma eternidade, mas neste caminho, façam todos os passos contar.

Sejam felizes!

 

PS: texto de homenagem às vitimas que se foram cedo de mais  em situações anormais.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D